Pesquisadores desenvolvem Kit diagnóstico para o novo coronavírus

por / Quarta-feira, 04 Março 2020 / Categoria Acontece, Notícias

A  Fundação Oswaldo Cruz, por meio do Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos Bio-Manguinhos e do Instituto de Biologia Molecular do Paraná (IBMP),  desenvolveu em tempo recorde kits para diagnóstico molecular do novo coronavírus (Covid-19). Nesta semana,  a Fiocruz inicia a produção de kits com insumos para a realização de 30 mil testes diagnósticos destinados a atender a rede de laboratórios públicos de todo o país. O teste nacional foi desenvolvido em menos de um mês.

 De acordo com o coordenador da pesquisa no Paraná, o gerente de Desenvolvimento Tecnológico do IBMP, Fabrício Marchini, o teste que começa a ser entregue possui o mesmo nível de segurança para que laboratórios públicos (LACENs) de cada estado realizem o diagnóstico do novo coronavírus. Até o momento apenas os laboratórios de referência nacional realizam estes testes (Fiocruz, Adolfo Lutz/SP e Evandro Chagas/PA).

“Outra vantagem do diagnóstico descentralizado para todos os estados é permitir o monitoramento da doença nas diversas regiões do país, possibilitando que as autoridades de saúde saibam se os casos são realmente de coronavírus, onde estão estes casos no país, e assim poderão dar uma resposta mais efetiva quanto à vigilância e à assistência”, explica Marchini.

 A Fiocruz tem capacidade de produzir cerca de 20 mil testes semanais e o ritmo de produção seguirá conforme a demanda do Ministério da Saúde (MS).  A expectativa  é de que, ao longo das próximas duas semanas, os laboratórios centrais dos estados das regiões Norte (Amazonas, Pará e Roraima), Nordeste (Bahia, Ceará, Pernambuco e Sergipe), Sudeste (Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais), Centro-Oeste (Mato Grosso do Sul e o Distrito Federal) e Sul (Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul)  estejam aptos a realizar os testes para diagnóstico do novo coronavírus. A capacitação para a utilização do teste será conduzida pelo Laboratório de Vírus Respiratório e Sarampo do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz).

Conheça o IBMP – O Instituto de Biologia Molecular do Paraná é uma instituição científica e tecnológica (ICT), que atua no desenvolvimento tecnológico, inovação e produção industrial de soluções para a área da Saúde, com destaque para o Sistema Único de Saúde (SUS).

Recentemente o IBMP desenvolveu o Kit para Diagnóstico Molecular ZDC, usado para confirmar casos de Zika, Dengue (os quatro sorotipos) e Chikungunya e o kit de diagnóstico para Febre Amarela e ambos utilizam tecnologia semelhante ao kit para diagnosticar o novo coronavírus. Diversos outros produtos para diagnóstico e terapêuticos encontram-se em fases de desenvolvimento.

 

Em 2011, o Instituto recebeu certificação pela Anvisa em Boas Práticas de Fabricação, permanentemente renovado e foi qualificado como fornecedor oficial de Bio-Manguinhos/Fiocruz. Periodicamente, os processos do IBMP são avaliados por diferentes equipes auditoras, para fins de manutenção da condição de atendimento aos critérios de Qualidade.

Com informações da Agência Fiocruz de Notícias.

Contato

Assessoria de Comunicação IBMP

Graciele Minozzo

(41) 991290132

TOP