Testes para Covid do IBMP detectam a variante Ômicron

por / Terça-feira, 14 Dezembro 2021 / Categoria Acontece, Notícias

A variante ômicron está sendo amplamente estudada por cientistas do mundo todo e desde que foi apontada como uma preocupação pela Organização Mundial de Saúde (OMS), o Instituto de Biologia Molecular do Paraná (IBMP) vem estudando a capacidade de seus testes em reconhecer essa nova variante. A conclusão das análises realizadas, confirma que o Kit Biomol OneStep Covid-19 (RT-PCR) e o Teste Rápido Covid Ag (Antígeno) permanecem eficazes na detecção do SARS-COV-2, mesmo na presença da nova variante.

Ambos os testes foram desenvolvidos pelo IBMP, registrados na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e são comercializados para os mercados público e privado.

“O IBMP está atento ao surgimento de variantes e aprimora seus produtos constantemente. Além de avaliar a eficácia dos produtos já comercializados, os estudos para o reconhecimento da nova variante também foram realizados no Kit Biomol Influenza A, Influenza B & COVID-19, que em breve será registrado na Anvisa, explica o pesquisador da Fiocruz e gerente de Desenvolvimento Tecnológico do IBMP, Fabricio K. Marchini.

O Kit Biomol OneStep Covid-19 do IBMP foi um dos primeiros a serem desenvolvidos no país para a plataforma RT-PCR, e é amplamente utilizado nas centrais de testagem da Rede Fiocruz, responsáveis por mais da metade dos testes deste tipo realizados pelo Sistema Único de Saúde no Brasil. “Começamos a desenvolver este kit, em conjunto com o Instituto Bio-Manguinhos da Fiocruz, logo que ocorreu o alerta pandêmico da OMS. Ele foi concluído em tempo recorde e em fevereiro de 2020, ainda para uso em pesquisa, este kit foi utilizado pelo Instituto Adolfo Lutz (IAL-SP) para a realização da contraprova do primeiro caso de Covid no Brasil”, complementa o pesquisador.

Já o Teste Rápido Covid Ag do IBMP foi registrado na Anvisa em abril de 2021, teve a comercialização iniciada no mesmo mês, e atualmente, faz parte do rol de testes de antígeno ofertados pelo Ministério da Saúde por meio do Plano Nacional de Expansão da Testagem. Como é um teste portátil, seguro e de resultado instantâneo (cerca de 15 minutos), uma das formas de utilização é no monitoramento sanitário de casos, como em escolas, hospitais, aeroportos e grandes eventos para facilitar a triagem rápida para um diagnóstico assertivo.

O Instituto está em constante ampliação de seu portfólio, ofertando atualmente sete produtos registrados na Anvisa. Com foco na tecnologia de ponta e em processos de qualidade em todos os setores, o IBMP consolida-se como um dos grandes produtores nacionais de soluções para diagnóstico in-vitro.

Nova variante – A variante ômicron foi encontrada pela primeira vez em novembro deste ano, na província Gauteng – África do Sul, onde fica a principal cidade do país, Johannesburgo.

A OMS emitiu alerta global em virtude do rápido aumento de casos na região e a verificação de trinta mutações na proteína spike em um total de cinquenta mutações ao longo do genoma desta variante. Desde então, a ômicron já foi detectada e identificada por meio de sequenciamento genético em diversos países, incluindo o Brasil.

TOP